segunda-feira, março 05, 2007

Brava Elite Brasileira...

Este fim de semana fui sozinha pra praia! Marido foi viajar com pai e irmãos, se enfiou na neve, e eu na areia!... Saí no lucro...

Praia é uma das diversões mais democráticas que há, na minha opinião! Todo mundo tem seu espaço, é gratuito e o sol brilha para todos do mesmo jeito. E nestes espaços de convivência social eu me divirto observando as pessoas...

As areias do litoral norte de São Paulo são tidas como "elitistas". As pousadas são caras, as praias são mais longe da capital então os conhecidos "farofeiros" de um dia geralmente não chegam lá! Eu disse "geralmente"...

Assim sendo, logo cedo você vê os caseiros montando barracas gigantes para as famílias que ainda dormem. Parecem latifundiários marcando terreno.

Levam cadeiras, pranchas das crianças e até mini piscinas de plástico. Tais famílias chegam lá pelas 11 da manhã, se amontoam em baixo da sombra e ficam a ler Caras enquanto as babás cuidam da prole... Afinal, madame que é madame precisa descansar, então quem brinca com os filhos é a babá... Enfim.

Ontem vi uma cena das mais engraçadas. Cheguei às 8 horas na praia, eu e os caseiros montando as barracas!

Lá pelas 9 horas, ouço uma gritaria digna de torcida de futebol:

"Maaaaano, dá pra jogar um futebolzão aqui!!!"

Abro os olhos.... Crianças de biquini verde limão, mães com a cooler e as "bóia das criança" na mão, pais já com latinha gelada! Óculos escuros na testa e a galera chegou pra passar o dia. Sem exagero, eram uns 20! Os mais jovens fincaram os chinelos pra marcar as traves e começaram o "Curínthia versus Pêxe".

De repente, uma senhora avista o oásis! Em meio ao sol escaldante ela descobriu o paraíso!

"Ah, fia, vem aqui na sombra, tem uma barraca que cabe nóis tudo!"

Pronto, estava criado o primeiro assentamento de barraca de praia!
MSB, Movimento dos Sem barraca, ou MPSD, Movimento Pela Sombra Democrática!

A partir deste momento virei minha cadeira de frente para a cena. Se vendessem ingresso e pipoca eu comprava. Fiquei na ansiosa espera pelos "donos" da barraca. Sim, donos, por que se a areia é pública, a barraca foi comprada por alguém.

A galera se instalou como o diabo gosta! Às 11 horas, a cooler já estava aberta, os atletas já estavam brincando de croquete na sombra e a senhora, nitidamente cansada, deitou na areia e dormiu. Se sentindo em casa, penduraram as camisetas na ferragem da barraca e se sentaram nas cadeiras que ali estavam.

Qual não foi a surpresa do casal que chegou em "seu" território e se deparou com aquele "terreiro". Precisei segurar o riso, pois gente sozinha não dá gargalhada, pode parecer maluca de pinel. Achei muita graça na reação do casal.
Petrificados.
Com medo.

A galera, como é típico deles, democraticamente achou lugar para aqueles dois que chegaram.

"O Zéfa, espreme aí pra eles entrá!"

A senhora parecia ter parado de respirar. Sentou-se e olhou para o marido como quem pede "pelo amor de Deus, me salva!"
Acredito que em nenhum momento eles pensaram em pedir pra galera sair dali, com educação, claro. Pareciam ter sido jogados pra fora do carro no Simba Safári. A senhora deu um pulo quando um meninote pendurou sua camiseta naquela alça da cadeira de praia em que ela se sentava. A que dormia no chão teve um espasmo de sono e jogou areia em cima do senhor.

Patético... Pro casal, claro, que do alto de sua compostura, do alto de sua educação suíça, não sabia como interagir com o outro.
Desesperado, o senhor se pendurou no telefone. Em cinco minutos o caseiro veio em socorro, e mudou a barraca de lugar. Respirando aliviados, eles voltaram a sorrir.
Descontraídos, batiam papo com o caseiro, que prendia a armação na areia.

"Ah, o cara da casa 4? Ele quer que você trabalhe pra ele??? Ah, não vai não, o cara é francês, e esse povo é tudo sujo, olha Cícero, esse pessoal lá da Europa não toma banho não!" disse o Barão...
Ao que a Baronesa da educação completa:
"E fora, né, Cícero, que você já tem dono! Avisa ele lá, você é nosso, hein, já tem dono! hahaha"

Triste elite....

Inté!

21 comentários:

Anônimo disse...

Cada um fechado em seu mundinho.. se o casal burguês resolvesse sair da sua rotina um mísero dia e interagir com pessoas diferentes iam acabar aprendendo alguma coisa e se divertindo muito.. Eles saem perdendo.. faço isso direto e todo mundo fala q sou maluca "A Caia faz amizade até com mendigo!" Faço mesmo e me divirto horrores!
Bj, Caia

Capitão-Mor disse...

Que texto delicioso! Estas situações também ocorrem em várias praias de Portugal. Quando cheguei ao Brasil, fiquei bastante admirado com a infinidade de coisas que se podem vender numa praia e na alta taxa de ingestão de bebidas alcoolicas sob um sol escaldante.
Já ouvi falar maravilhas de Ubatuba? È assim mesmo? Bom, pelo menos Clodovil mora por lá...só poder ser chique!!!! :)
Uma boa semana para si!

Garota do Zippo disse...

Pois é... Não tenho nada contra gente rica, mas não tb não acho q sejam melhores do que ninguém...! No carnaval do Rio enfrentei uma praia que mais parecia um estacionamento do shopping ibirapuera. E, lá pelas tantas, na vaga ao lado estacionou uma dessas famílias com 4 crianças e um isopor cheio de bebida... Esperei 10 minutos e fui embora. Não pelas pessoas em si, q, como vc disse, podem criar situações divertidas, mas pq as crianças se instalaram em cima da minha canga, rs.

Tati disse...

Caia, você faza amizade até com pedra, essa situação daria um ótimo Intermicos...

Capitão, Ubatuba é uma delícia, mas prefiro as praias de Camburi, um pouco mais ao sul de Ubatuba. Foi lá que essa cena se deu, rsrsrs

GZ, canga comunitária? Ou Piscinão de Ramos? rsrs beijos a todos

Anônimo disse...

Oi Tati!!!
Saudades... saudades... saudades...
Eu adoro as "farofas" que existem nas praias do litoral norte... rsrs
Fico admirada com a capacidade que o ser humano "farofeiro" tem de se aglomerar em 1/2 metro quadrado... e dividir a cerveja... os lanchinhos de salame... o amendoim... hahahahaha
Eu adoro esse litoral!!!
E confesso... as vezes até participo da "farofa"!!! Tem coisa melhor?!
Beijos minha querida!
Carolzinha

Mônica Montone disse...

Aqui no Rio a coisa é mais "democrática" ainda, Tati, rs*......... Tô para relatar um dia na praia carioca faz tempo, qualquer dia escrevo, rs*

beijos e boa semana, florzinha

MM

td disse...

Jeca,

voltando a um post antigo veja o comentario do Arnaldo Jabor no site da CBN sobre o Borat - é por essas e outras que o Jabor deveria ser canonizado.... Concordo com ele em numero e grau sobre o filme....

Sobre a praia... o litoral paulista esta anos luz atras da real democracia praiana carioca....

td

td disse...

www.tenhodito.com.br - não é meu site, mas ele existe !!!

Anônimo disse...

Nossa...parece que estou até vendo a cena! E vc, só no camarote, né? rs...
Ótimo!!

Beijos e se cuida...

Carol Escandura

Capitão-Mor disse...

Já estreeou a nova mega-produção luso-brasileira:"Férias em Natal". Uma blogsérie com um elenco de luxo, muitas aventuras e excelente banda sonora. A TVI que se cuide!

Espero que não tenha ficado chateda após o "embate diplomático"!
Abraço

Anônimo disse...

Não interessa se quem divide a praia é pobre ou rico, de preferência ninguém que não esteja convidado. Nada melhor que uma praia deserta (uma vez garantida a boa companhia e a cerveja gelada, claro).
Taubrós!?

Cláudia disse...

Como diz uma amiga minha: se vc está se sentindo um bagulho, vá pra praia que lá sempre vai ter alguém que tá pior do que você.
É verdade, viva a democracia praiana!
beijo

Tati disse...

Carolzinha, você é do time da minha irmã, faz amizade até com pedra, ia se divertir numa situação destas.

Mô, no Rio sinto uma separação meio forte, sabia? Especialmente em Ipanema, com as divisões de postos... será impressão minha?

td, de demcorático ali na verdade
não há muita coisa mesmo, mas como na areia ninguém manda.....

Carol, já viu, né? Você conhece bem a área, imagina o povo de camburizinho vendo aquela galera chegando... Só as "calégas!"...

Capitão-mor, fico chateada com pessoas que não aceitam discutir civilizadamente, como aqueles dois que baixaram total o nível da discussão. É um tipo de atitude que denigre as nossas relações, cria rixa, só traz coisas negativas.
Acho que vc tem razão em inúmeros aspectos, e a defesa-ataque de duas pessoas estragou a discussão... Uma pena! Você e seus assuntos polêmicos, hein? rsrsrs

Taubrós, concordo, a melhor cia é sempre a que é benvinda, convidada.... Praia deserta é tudo de bom, quero é ver você achar sua cervejinha gelada, rsrsrs

Clau, apareceu!!!! que bom a Jeca estava com saudades de você.....

Beijos a todos!!!!

Anônimo disse...

Que cena.....imagino a cara da Baronesa....adoro uma farofinha mas só se for na Ilha de Caras!!!! ou no Castelo de Chantilly, na França..pelos menos frequento as farofas chiques!!! na proxima vez quero um lugar VIP no seu camarote em Camburi!!! beijos

Anônimo disse...

Ana Flávia *


pro essa história ta muito legal !!! adoreiii, so queria estar la para ver essa cena!!!!
bjãoo

Anônimo disse...

Muito boa essa dai eu dei muitas risadas.
Beijos de Neto e Geovanni

Anônimo disse...

Marina: nossa professoraaa, como você passou um apr]erto com esse dia da viagem néh? magina, as pessoas lá, gritando na praia.... com aqueles isopores na praia

Ana Carolina disse...

Prô que dia na praia hein?
Até eu queria assistir essas cenas!!

Mto legal. Gostei bastante do enredo.

Anônimo disse...

*Carol passos*

Oi jeca....
imagina estar lá e vê isso acontecer!!!!
Amei esse post!
bjussss

Anônimo disse...

I found this site using [url=http://google.com]google.com[/url] And i want to thank you for your work. You have done really very good site. Great work, great site! Thank you!

Sorry for offtopic

Anônimo disse...

Who knows where to download XRumer 5.0 Palladium?
Help, please. All recommend this program to effectively advertise on the Internet, this is the best program!