quarta-feira, março 07, 2007

Obrigada.

É incrível o poder das palavras. Parece clichê, mas é verdade absoluta.
Especialmente das palavras "desculpe" e "obrigada". Se tivéssemos mais consciência disso, o mundo seria certamente melhor.

Fiquei pensando nisso depois de um episódio na escola, hoje. Um aluno começou um "diz que disse" entre mim e a coordenadora da tarde, e com as palavras erradas, criou um mal entendido chato. Ela ficou triste comigo por algo que eu não havia dito. Fiquei péssima.
Chamei o aluno e, junto à diretora, esclarecemos. Ele afirmou que tinha se expressado mal e que eu não havia dito aquilo. Nada de mais. Em seguida me encontrei com a coordenadora e ela e eu ficamos aliviadas em resolver a questão.
Mas o que mais me tocou, na verdade, foi que ao fim de tudo, o aluno me chamou na sala de aula e disse:

"Pro, desculpa por aquilo, tá? Eu não tive a intenção de criar confusão!"

"Desculpa". Ele reconheceu, não apenas o ato errado dele, mas o fato de ter me deixado chateada.

"Desculpa", palavra mágica, que usada com sinceridade, é mertiolate para algumas feridas.

Saí da escola e fui almoçar. Fui a um restaurante, ou melhor, fui AO restaurante decente da cidade, em que eu sempre peço o mesmo prato, com um molho de maracujá DIVINO.
Ainda com o poder do reconhecimento na cabeça, me dei conta de que aquele molho foi feito por uma determinada pessoa, e que eu nunca lhe reconheci o trabalho.
Na hora da conta, pedi ao garçom que agradecesse o pessoal da cozinha por mim, pois aquele era o melhor molho de maracujá que comi na vida.
Ele se aproximou da janelinha da cozinha e, depois de algumas palavras, vi 5 cabeças com chapéus de cozinheiro se espremendo para ver de que mesa veio o agradecimento.

Elogiamos tão pouco, né? Agradecemos tão pouco, nos desculpamos tão pouco... E é um ato simples, que tem grande poder.

No Yôga chamamos isso de PUJÁ, ou seja, "retribuição ética de energia!" Parece complicado, mas não é. A energia que você envia a uma pessoa, seja em forma de elogio, de desculpas ou de votos bons estabelece o tipo de relação que você terá com ela. E faz bem para as duas pontas...

Há tanto para se agradecer... tantos "obrigada" para se dizer...

Obrigada Dora, por ser "A" mãe que você é.
Obrigada Antonio, obrigada pelo que somos hoje.
Obrigada Caia, pela sua mera existência na minha vida.
Obrigada Fe, por seu amor, pela caminhada ao meu lado e pela paciência...
Obrigada grandes e amadas amigas, Luli, Carol, Ciça, Ju, Karina, Elô, Marcelo, pelos sins e pelos nãos, pelas palavras e risadas. Pelo simples silêncio confortável da amizade.
Obrigada Carmen e Geraldo, por tratarem suas noras como filhas.
Obrigada Dani e Gui, por serem irmãos mais velhos.
Obrigada Marília e Carol, cunhadas-irmãs, pela amizade, pelo companheirismo e por todos os papos furados e nem tão furados assim!!!
Obrigada Pepe, por fazer minha irmã feliz.
Obrigada Família Colla, por me fazer sentir as raízes.
Obrigada Vinicius e Rogério, pela família por perto.
Obrigada Tia Gladys, por enseñarme la lengua que hoy me es tan importante!
Obrigada Kinder Kampus, por me ensinar o que é ser professora.
Obrigada Cris Melo e Dani Reston, por serem amigas mesmo tão longe.
Obrigada Marla, por todos os anos de amor e brigas e por fazer o amor ganhar!
Obrigada Vera, pelas esfihas de zattar feitas com tanto carinho, e pelo Kibe de soja "criado" especialmente para nós. E por me ensinar sua coalhada!!!
Obrigada Nicolau, por acreditar em mim.
Obrigada Renata e Camila, pelas "cajazeiras". Não poderia ser melhor.
Obrigada TriAção, por todos os dias, pelo clima maravilhoso de trabalho e pela crença CABAL na Educação!
Obrigada Equipe Uni-Yôga, Berti, Samir, Pedro e Thaís, pelos ensinamentos e pela jornada no Yôga.
Obrigada comentaristas assíduos da Jeca!!! TD, pelo mistério. Mônica e Sofia, pelo comentário com sotaque de carioca. Rubina e Capitão, pelo belo português de além mar aqui escrito. Cláudia, pelos comentários de voz suave. GZ, pelo ar jovem e descontraído. Taubrós, pelos sempre bons tempos, guardados no coração. Carolzinha, por matar a saudades pelo blog.
Obrigada Gastón, por me inspirar a escrever.
Obrigada aos leitores assíduos, que não deixam comentários mas que sei que vêm.

Obrigada, de coração. Cada um de vocês faz de mim um pouco que eu sou.
Um grande beijo
Tati

Inté!

31 comentários:

Anônimo disse...

Tati querida, OBRIGADA vc por ser desse jeito maravilhoso! Vc é uma amiga única, q mesmo com a distância, mora aqui pertinho no meu coração!
Bj da amiga
Ciça e....surpresa....HELENA!

Tati disse...

Ebáááá... sobrinhaaaaaaaa
beijos

Anônimo disse...

Olá querida!!!
Vc realmente é sensacional!!!
Quem tem que agradecer alguma coisa nessa vida somos nós... pessoas que tem o privilégio de ter vc ao lado!!!
Deus é sábio nas coisas que nos propõe... e se era para ter ocorrido tal fato, é pq dele é pra se tirar algum proveito!!! Mesmo que não soubemos o que seja, nesse momento, mas algum dia... teremos as respostas que procuramos!
Te admiro muito... e quando escrevo que é vc sensacional, é pq realmente vc é uma pessoa fantástica e especial na minha vida! Não sei ainda qual a minha missão por aqui... mas tenho a certeza que uma pessoa cheia de magia eu já encontrei: VOCÊ!!!
Um beijo!
Carolzinha

Anônimo disse...

Ah! E, muito obrigada!
Beijos
Carolzinha

Anônimo disse...

Obrigada queridona!!! minha cunhada-irmã..uma correção o Gui é seu irmão mais novo..tá querendo deixar meu marido mais veío!!!!! beijos grandes da sua véia cunhada!

Tati disse...

Carol, deste pequeno fato, tirei várias coisas: além da importância de um desculpe e um obrigada, fiquei até mais tarde, vi a Carina, as meninas e você! Pronto, já ganhei o dia! beijos

Anônimo disse...

Ahhhh.... desculpe qualquer coisa!!! rsrsrs
Carolzinha

Capitão-Mor disse...

Belo português de além-mar? Não extrapolemos. Sou apenas um simples expatriado nos trópicos! :)

Eu gostaria que publicasse seu contraponto aqui mesmo. Pode ser? Aí eu tentaria colocar o link na minha página e vc poderia fazer a ligação à minha página, ok?
Abraço!

Anônimo disse...

Nossa...nem sei o que dizer...palavras lindas, como sempre!
A gente esquece o significado de algumas palavras...acho que a loucura da "cidade grande" nos faz ficar um pouco insensíveis...mas, fazer o que...rs
Obrigada por me receber de braços abertos, no momento em que mais precisei e por ser essa pessoa tão encantadora!
Saiba que esta guardadinha no meu coração!
Espero que esses momentos se repitam por muitas e muitas vezes!
Beijos!!
Carol Escadura

Sofia disse...

Uauu !! Agora fiquei emocionada ;)
Obrigada por tudo !
Abraços,

Rubina disse...

Tati

Ler o seu blogue, e criar novas amizades além fronteiras, são o elixir da minha felicidade. Tem sido uma delícia poder partilhar emoções, alegrias e desabafos consigo. Um abraço

Rubina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ViviRosas disse...

Tati
Obrigada.por.nos.descontrair..informar..alegrar...enfim
Obrigada.pelo.excelente.Blog!
Realmente,se.as.pessoas.soubessem..ou.melhor.utilizassem.essas.sábias.palavras..o.mundo.sem.dúvida..seria.melhor!
Bjão.Vivi

Carol, a fotografa! disse...

nega, obrigada a voce pela viagem a angra...pelas escapadas nas festinhas para o update das infos..rs...por me mostrar que a profissão ainda continua digna nos dias de hoje....por me fazer acreditar nas coisas simples e me emocionar ao ler seus textos, ficar menos estressada ao chegar em casa as 22h e ligar o computador para trabalhar...por ser uma amiga que onde quer que esteja sei que posso contar, e não menos importante, por me esperar para a maternidade!!! :-)
amo vc!!

Carol, a apressada..rs disse...

em complemento: profissão de minha mãe!

MH disse...

nossa, Tati, deve ser algo no ar...
como vc já descobriu, concordo plenamente! rsrsrs
beijo!
ah, e obrigada...

Vicky Meiotta disse...

Super apropriado o post! Sincornicidade pura, vim aqui exatamente pra dizer OBRIGADA por "me" levar pra dentro de sua sala de aula. Amei os comentários dos seus alunos, mesmo!!!

Anônimo disse...

De nada.
E muito obrigado também!
Continue com seu bom trabalho!
Beijo do velho
Taubrós!?

Gastón disse...

De nada minha querida :0)

Antes de mim, outros me inspiraram também. E certamente outros serão insipirados pelos seus ótimos textos.

Anônimo disse...

Nao sei se é o fato de ser dia da mulher ou a minha TPM mas chorei!!!! Obrigada por existir, por ser minha metade!!
Caia

Breaking the Waves disse...

Obrigada eu por tão bonito post.

Leitora que nunca comentou :)

Tati disse...

Obá, mais uma Lisboeta por roças Jecas!
Seja benvinda aos comments!

Anônimo disse...

Que texto lindo!
Estou profundamente emocionada. Também quero te agradecer pela nossa amizade, pelo cuidado constante...
Um beijo "cajazeiriano", Camila.

Cláudia disse...

A gente vive o que a gente vibra, portanto, aguarde a enxurrada de coisas boas que virão na sua vida!
beijo

Tati disse...

nossa, clau, que lindas palavras, muito obrigada.....

Camilinha, finalmente você visitou a Jeca.....

Beijos a todos

Anônimo disse...

Oi! Sou Luiza, amiga da mh (perspectiva é tudo) e mc (onde é que eu estava mesmo) como tb sou leitora do blog do gastón, do SEU e de outros tb...

MUITO OBRIGADA por todas as risadas que dei com suas histórias

seus textos são demais!

ps_ jeca, se o seu "pueblo" é perto de pirrracicaba, tenho uma depiladora rapidinha para te indicar... ri muito mas fiquei com dó de você com aquela história...

um beijo
Luiza

Tati disse...

Oi Luiza, este post me consagrou com o conhecimento de inúmeros leitores que não conhecia, estou muito feliz...
Obrigada pela dica, mas meu pueblo é bem perto de Sampa, então ainda conto com minha super power depiladora paulistana, rsrsrs
grande beijo

Márcia Pretti disse...

Tati, vc, Claudia, Lalá e Gastón são "tudo de bombom" nos meus dias!!!! Fico sempre admirada com a forma leve e gostosa com que vcs tratam a rotina e assuntos que às vezes nos são tão pesados. Um enorme beijo, flor! Marcinha

Tati disse...

oi márcia, fico feliz em fazer parte de sua leitura diária junto a esses blogueiros de primeira! Fico lisonjeada!
Grande beijo!!

Garota do Zippo disse...

Grazie!!!! Pela citação, pelos elogios (jovem e descontraída é tudo que eu gosto de ser nesse momento!) e por ter uma relação sincera e carinhosa com seus leitores.
Tenho minha turma de amigos "na vida real", mas tb é muito gostoso entrar na minha net dial-up, "conversar" e dar risada junto com algumas pessoas que sequer conheço, como faço, por exemplo, clicando no meu link para Jeca Urbana, na seção "De vez em Sempre" do Zippo. ;)

bjs

Garota do Zippo disse...

gente... só um ps: esse post é do dia 07 de março??? e eu só vi hj, dia 16??
é que às vezes eu leio o primeiro post e não percebo que tb há um novo mais embaixo =S

mas o q importa é que eu li, né? ;)

obrigada de novo!