domingo, dezembro 10, 2006

"Without her I don´t make sense"

Eu e meus filmes... Já fiz um post depois de ter chorado muito com Hotel Ruanda, e hoje me vejo aqui, de novo, do sofá pro blog....

"Em seu lugar" é filme sobre duas irmãs totalmente diferentes, que brigam muito, mas que não conseguem ver sentido na vida, uma sem a outra, me tirou o fôlego...

O grande Antônio Cândido disse que para se ver uma verdade, é muitas vezes preciso exagerá-la. Este filme faz isso. E eu me vi nele...

Eu sou a mais velha da dupla dinâmica em casa.
A mais velha vem com um estereótipo que nem sempre é errado: mais séria, mais responsável, mais chata, neurótica...
A mais nova, seguindo esta lógica, seria a comédia da família, a louquinha, a sangue bão, psicótica.....

Eu e minha irmã fazemos uma comparação que ilustra bem quem somos, ou pelo menos éramos na adolescência.

Se tivéssemos nascido nos anos 50, eu dançaria swing e ela iria aos shows do Elvis...

Nos anos 60, eu seria histérica pelos Beatles, e ela seria uma das fundadoras do movimento hippie...

Nos anos 70, lá estaria eu, cheia de lantejoulas nas discotecas e ela vendo o Jim Morrison ser preso em pleno show...

Mas de noite, iríamos uma pro quarto da outra contar os micos, chorar pelos foras e dar muita risada, no fim das contas...

E somos assim, até hoje... Nunca fomos de brigar, e parece que o tempo só nos une mais...
As diferenças amainaram, aprendemos muito com elas...

Minha irmã me ensinou a rir de mim mesma.... Eu a ensinei a ter a seriedade que certos momentos exigem...

Ela me ensinou a ser mais tolerante, mais humana e eu continuo ensinando ela a não ser tão ingênua com os outros...

Hoje até me chamam de hiponga, e ela de intelectual, pois passou no Mestrado na USP.....

É incrível o poder que existe por trás de um amor de irmã... São tantos momentos que seria humanamente impossível colocar aqui, claro...

Eu roendo suas unhas quando as minhas acabavam...

Nós duas dormindo uma no colo da outra nas longas viagens pra casa da minha avó...

Ela em cima de um palco, cantando "What´s going on" pela primeira vez em público, eu chorando de orgulho...

Nossas horas de dormir... Quanto papo maravilhoso no escuro da noite....

Eu indo morar no Japão e ela na Austrália, aquele momento de despedida nunca sairá do meu coração.....

"I carry your heart. I carry it in my heart!"

Tantas despedidas...
Tantos retornos....

Tantos momentos bons, e tão bons ombros e conselhos naqueles que deixaram por desejar...

Minha alma gêmea é minha metade mais alegre, mais bem humorada, mais pura.... Sem ela eu simplesmente seco, murcho, como flor sem vida, sem brilho...

Ou como tão bem disse uma das irmãs do filme:

"Without her I don´t make sense!"

...

Inté!

7 comentários:

Anônimo disse...

Nossa, Jeca.. segunda feira de manhã e já comecei a semana emocionada, vc me fez chorar.. vc é minha melhor metade e tenho certeza que estamos juntas já faz algumas vidas.. sei que a confiança que tenho em mim hj devo aos teus olhares de orgulho, sempre significou muito pra mim.. elogio é elogio.. mas qd vem de vc me faz inflar o peito! Te amo da maneira mais completa, aquela que amamos como um todo, com todos os defeitos e falhas (e olha que isso conhecemos bem uma da outra).. vou assitir esse filme, é com a Cameron Diaz e aquela autraliana que fez "Casamento de Muriel" Não é?
Um beijo e até quarta..
ps: Correção: Nas viagens pra casa da nonna VC dormia no meu colo pq quando eu ia deitar vc não deixava..hahahahahahahahahaha!!bj
Caia

Tati disse...

é esse o filme, somos nós exageradas.... Se não fôssemos uma o contrapeso da outra seríamos muito provavelmente como elas.... Uma chata e mal amada e a outra totalmente perdida...
Ah, e sabia que você ia corrigir o lance da viagem, mas você às vezes ia SIM no meu colo, afinal, a mamãe mandava...... hehehe
te amo

Mônica Montone disse...

Sei como é essa coisa de irmãs....

Noooossa, vou te dizer que se minha mana se mudasse para o Japão ou para Austrália eu enlouqueceria, rs*

Fiz uma pequena homenagem a minha irmã no Fina Flor, você viu?!

beijocas e boa semana

MM

Sofia disse...

uauuu,
Isso é o que eu considero uma verdadeira declaração de amor ;)
Abraços,

Vivi.Rosas disse...

Lindo...
inexplicavelmente.lindo!
amor.de.irmão.talvez.seja.o.amor.mais.sincero.que.se.tem...
pq.ele.nos.completa,nos.faz.falta..
nos.enlouquece.qdo.esta.longe...
seja.nas.brigas,nas.conquistas,nas.glorias...
sejam.qtos.irmaos.forem...cada.um.é.de.um.jeito...
mas.sao.todos.amores.verdadeiros...
talvez..por.isso.eu.sinta.tanta.falta.do.meu.irmão.que.se.foi...por.coincidencia.o.mais.velho...
Sorte.dos.que.os.têm!
Lindo.um.amor.que.se.completa.como.o.de.vcs
Bjus.pras.duas

cunha disse...

cunha querida!!! quero te dar um abraco!!!! mesmo!!! adorei isso!!! adoro vcs, minha familia!!! e sua irma, é MINHA MULHER!!!! ahhhh que saudade! ajuda ela aí, que eu to tentando me virar por aqui!!!
muitos bijos!

Tati disse...

ê, cu7nha, finalmente um comentário seu no Jeca, que bom!!!!
Pode deixar que cuido dela, até vc voltar! beijos