domingo, agosto 26, 2007

Let´s talk about sex, baby...



É incrível como sexo ainda é tabu... Todo mundo faz, uns mais outros menos, mas ninguém fala disso!

Ontem fizemos a despedida de solteira da minha querida cunhada! Como ela especificamente disse que não queria a presença ou os serviços artísticos dos sérios profissionais/ modelos/ dançarinos do Clube das Mulheres (que ela, pessoalmente contratou para o meu chá...), a organizadora decidiu por um mini curso com uma especialista em técnicas sensuais e strip-tease...

Selecionadas as melhores amigas dela, sentamo-nos em roda, enquanto a moça nos palestrava sobre sexo, sensualidade e strip! De repente, ao meu lado, a assistente de palco abre uma mala, tipo Sansonite. Olhar 43, aquele assim, meio de lado, já saindo e.... vejo um arsenal bélico de acessórios, incrivelmente variados e poderosos. Os olhares brilhavam...

"Esse aqui é para pompoarismo! Você introduz e liga o controle remoto, sem fio! Esse outro é para quando a musculatura interna já estiver bem desenvolvida, você deve sugá-lo com a força da vagina. E não pode deixar cair!"

Caídos ficaram queixos, enquanto pálpebras se abriam perante novas descobertas...

Aos poucos, fomos nos soltando, logicamente devido à naturalidade com que a professora tratava do assunto. Perguntas foram aparecendo, comentários do tipo "eu vi em um filme...", ou "minha amiga usa um desses", etc.

Finalmente pudemos aprender técnicas de strip, dançamos, fingimos jogar luvas e lingeries em cima do parceiro algemado ao pé da cama. Sem caras e bocas, tudo muito sensual e bacana...

"Gente, preciso chegar cedo em casa hoje, pegar o marido acordado!!!"...
(essa foi minha, só pra constar)

Ao final, ali estava ela, A Mala, linda, como o pote de ouro ao final do arco íris... As casadas foram as mais sedentas, "quanto é?", "esse gel esquenta ou esfria?", "esse tem gosto do que?"...

Em meio aos apetrechos vibratórios, introdutórios e comestíveis estava Ele. O Deus da sex shop. Reinando sozinho em meio aos outros, roxinho, famoso, carééérrimo... O Rabbit!

"Ah, eu quero um desses, mas só pra ter, sabe, tipo brinquedinho..."

Sei... Me engana que eu gosto...

Nós madrinhas adoramos uma calcinha de couro, que vem ornada com um mini vibrador, controlado por controle remoto sem fio.

"Todo mundo com essa no casamento, hein? Os maridos ficam com o controle no bolso do fraque!!!"

Mas o que fez sucesso mesmo foram os géis... Gel que esquenta, que gela ao sopro, com sabor de papaya, chocolate e menta...

Um primeiro passo, claro, antes de encarar uma noite a luz de velas com o Rabbit. O gel já é um bom começo para muitas que nunca sonhariam em fazer um strip para o parceiro! Quero só ver as caras de felizes dos homens no casório....

Mas o melhor foi ver que, apesar da timidez de umas, dos complexos de outras, TODAS temos uma personagem do Joe Cocker dentro de nós, loucas para ficar só de chapéu!!!

PS: Antes que me perguntem o que EU comprei, digamos que não fiquei só no gel, não....

Inté!!!

13 comentários:

Gatta disse...

Hahahahaha, adoreeeeeei!
Eu não sou da turma do tabu, então me conta o q vc comprou! Mas pode ser por e-mail, hahaha

Bjs

ps: eu não tenho marido, mas depois de namoros de 2 anos a gente acaba assumindo que rotina é uó. =D

Anônimo disse...

O melhor foi eu ter saido bem no meio do "curso" né?? rs...
Vc não sabe o quanto eu me arrependi...ficava o tempo inteiro pensando no que deveria estar acontecendo...rsrsrsrs...
Depois quero saber detalhes!!
Beijos
Carol Escandura

Tati disse...

gatta, depois te conto por e-mail, rsrsrs

Carol, azar seu E do Daniel! Depois te conto os detalhes e te dou seu "presentinho"!

Anônimo disse...

Ainda não usei o meu gel , de chocolate com menta , aquele que esquenta.....
Mas tenh certeza que da minha necessaire ele não sairá mais!!!!

Vc já usou seu briquedinho??? Vleu a pena???
Alguem comprou a calcinha vibratória??

Eu quero!!!!

E ainda quero soltar a jaca ou a manga...
To topando a aula d epompoarismo, heim
!!!!
Bjkas

E nos vemos em Botucatu....

Tati disse...

Lu, usei SIM o brinquedinho, foi altamente aprovado, rsrsrs
E a calcinha não foi comprada não, estava muito cara... Só perdia pro Rabbit...
Beijo e até lá!!!

Rubina disse...

Como andam interressantes as desdcobertas por este blogue...lol...E assim mesmo, temos que dar azo a imaginacao...lol...

Marília disse...

Eu como noiva e cobaia tenho que fazer um comentário.......AMEI O MEU CHÁ DE COZINHA...FOI MUITO BOM....PARABÉNS PARA A COMISSÃO ORGANIZADORA!!!! MAS ESTOU TRISTE POIS PERCEBI QUE AINDA TENHO QUE APRENDER A FAZER STREAP....SOU MUITO DURA...MAS PROMETO QUE IREI TREINAR MUITOOOOOOO.....MAS TENHO QUE AGRADECER AO MEU PROFESSORO JULIANO QUE ME FAZ TER FORÇAS NAS AULAS DE AGACHAMENTO POIS SEM ESSA FORÇA NÃO CONSEGUIRIA MAIS LEVANTAR E NÃO CORTO MAIS O CABELO...SÓ AS PONTAS!!! beijinhos da noiva

capitão-mor disse...

Um texto digno da Capitania!!! :)

freemind disse...

Gostei... "todo o mundo faz... mas ninguém fala disso".
E é verdade. Ninguém se importa de falar na maluquice de ir jantar não sei onde, de ir a uma festa toda maluca, de ir curtir umas diversões do outro mundo...porque são coisas normais.
E sexo, por acaso não é? Até os bichinhos gostam, ora

Tati disse...

Rubina, sem tais descobertas a vida nem teria graça, não é?

Sra. Bridezilla, até vc soltar os quadris e aceitar a fera sedutora dentro de você, vá usando MESMO os cabelos, por que dá um efeito, amiga......

Capitão-mor, escrever este texto já valeu por seu comentário, sua breve aparição. Senti-me como uma criança que vê um peixe passar rapidamente mas não dá tempo de pegá-lo! Acho que é saudades do seu blog...

Também acho, freemind. Acho até mais cabeludo ouvir pessoas dizerem o quanto gastaram em vestidos e sapatos da moda...

mc disse...

Esperta essa professora que já leva apetrechos pra venda, não??

Eu fiz um tour do Sex&the city em NY e vi várias coisas legais no sex shop que elas compraram o rabbit... e todas as tiazinhas da excursão sairam com sacolinhas na mão!

Gastón disse...

Sou louco pra encontrar uma mulher com aqueles peitos com mp3 player.

Evandro disse...

Ainda que meio atrasado, vale aderir a tese pelo olhar masculino e lembrar que a falta de hábito pode levar a situações como esta, publicada na Reuters:

------------------

19/09/2007 - 22h13
Homem esconde brinquedos sexuais em salsicha na Alemanha

da Reuters, em Berlim

Funcionários de um açougue na Alemanha ficaram surpresos ao encontrar um recheio não muito comum em uma salsicha, segundo informações da polícia alemã.

Duas grandes salsichas estavam recheadas com brinquedos sexuais, que um homem de cerca de 50 anos pretendia levar para Dubai, nos Emirados Árabes Unidos.

"Havia dois objetos fálicos de borracha com uma aparência natural", disse o porta-voz da polícia na cidade de Mannheim.

Após comprar as salsichas durante o dia, o homem, que falava pouco inglês, retornou ao local com suas aquisições e pediu a um vendedor que embalasse e conservasse os embutidos até o dia seguinte.

No entanto, o vendedor notou que as salsichas haviam ficado mais pesadas e alertou a polícia. Então os oficiais descobriram que o homem havia removido parte da carne e colocado os objetos dentro das salsichas.

"Não é contra a lei aqui, mas nós obviamente não podemos especular sobre os costumes em Dubai", disse o porta-voz.