sexta-feira, fevereiro 08, 2008

Teoria da Conspiração

Esta noite me lembrei de um professor de História que tive na época de cursinho.
Professores de cursinho, para quem não fez, ao menos na década de 90, eram bastante típicos. Geralmente residuais das lutas estudantis, camisetas do Che no peito (nada pós moderno, não. A versão vermelha da coisa, furada e usada inúmeras vezes antes de ser lavada...) e bandeiras do PSTU. Ou melhor, bandeiras do PT, que na época ainda era oposição. Além da matéria do vestibular, usavam o microfone para falar de suas posições políticas, afinal, nada melhor do que um microfone e uma platéia ávida por mudanças. Só faltava o carro de som e a massa metalúrgica.

O Paulão era professor de História do Brasil, um descendente de escravos com dreadlock nos cabelos. Ele nos explicou, certa vez, que o governo (Era Itamar Franco) tinha uma estratégia para nos deixar felizes. Ele dizia assim:

"Imagine que nesta sala, em que cabem 100 alunos, temos 180. Vocês reclamam, ameaçam uma revolta e o diretor do cursinho, ao invés de tirar os 80, coloca mais 100!! Vocês ficam sufocados, choram, quase ecplodem sem espaço. Ficam assim por uma semana, até quase o limite humano. Neste ponto, os 100 colocados são retirados, e vocês voltam aos 180 iniciais. Vocês vão reclamar? Imegine, vocês até estão apertados, mas não é igual ao sufocamento dos 280. Está bom??? Não, mas poderia ser pior..."

Nunca me esqueci disso, pois fez um enorme sentido para mim.

E esta noite senti isso na pele.

Desde o dia 12 de janeiro que não sei o que é dormir 8 horas seguidas. Dali fui para a maternidade, e entre contrações e Romeo, fui me resignando a intervalos de 4 em 4 horas, e depois de 3 em 3. Bom???? Não...

Entretanto, nesta semana passei pelo sufoco dos 280... Sem causa aparente, Romeo resolveu acordar de hora em hora, pedir peito e continuar pedindo peito a cada 30 minutos. Lembrem-se de que minhas bonecas não choravam, meus alunos choravam em casa e meu know how de bebês não tinha chegado ainda nesse ponto. EU acordava chorandoaos prantos, sem compreender o porquê do choro dele, afinal, há 20 minutos ele tinha mamado meia hora.... Cólica não era, pois o remédio não adiantava, bolsa de água quente não resolvia e ele acalmava no peito. Soluços intermináveis nos acordavam no quarto ao lado... Mais uma noite assim eu cairia doente, Foram dias de dor de cabeça e cansaço extremo, já estava começando a esquecer coisas, de tamanha falta de sono.

Ontem à tarde, fomos à pediatra, que nos deu uma luz. Não é cólica mesmo, mas sim refluxo, ou seja, o pobrezinho estava chorando de azia. A cada mamada, ele voltava pro berço, onde ficava na horizontal, abrindo caminho pro leite subir. Nada melhorava, só um pouco de leite para aliviar. E a dor retornava ainda mais forte, pois ingeriu mais leite...

Nesta noite, ele dormiu no carrinho, inclinado, medicado contra o refluxo.
Os 100 foram expulsos, e ele milagorsamente acordou de 3 em 3 horas, só pra mamar.....

Bom???? Claro que não, ainda está longe do meu ideal de sono, mas acordei tão feliz em dormir um pouco a mais...
E, claro, em saber que não estava mais torturando meu filho com uma dor que eu não entendia...

Será que posso culpar o governo? Ou a natureza, que poderia ter sido mais generosa e ter dado um par de mamas pros pais também, para dividirmos o fardo?...

Já pensou, o bebê nasce e o pai ganha um belo par de air bags, cheios de leite?........

That´s it for now, tenho que ir que ele já está chorando de fomo de novo....

Inté!!

7 comentários:

Anônimo disse...

he,he,he... Só para te animar: a Lorena vai fazer um ano e só agora (nesse mês) é que ela dormiu 2 noites inteiras, sem acordar!!!! Porém não seguidas e não mais...Liga não, depois voce comemora quando começar a dormir até às 7, e não até às 5 e meia.... Beijos karina

mc disse...

ai que dó... continue postando essas estórias, são ótimas dicas para futuras mães! (mesmo que isso só aconteça vários anos depois)

Cláudia disse...

Quando Bela tinha a idade do Romeo e não dormia, as pessoas me consolavam: ah, daqui a 2, 3 meses, isso passa.
E eu me desesperava, pensando NÃO VOU AGUENTAR NEM MAIS UMA SEMANA, QUE DIRÁ DOIS MESES!!!

Nada, dali a pouco ela entrou nos eixos e passou a dormir quase a noite toda. Logo o Romeo também vai ter uma rotina mais estável e você também.

beijinhos

Marlo disse...

Eu vou te dizer, acho que a minha filha saiu ao pai. Ela ia dormir mais ou menos as 10 da noite, e so acordava as 7:00am. Dormia direto. Isso apartir da 2 semana.
E durante o dia, ela ia dormir das 13;00 ate 15:00. Parece mentira, mas ela sempre foi assim. Outra coisa, depois de uns 3 meses, eu levava ela para ninar numa rede, nossa, era tiro e queda, 3 minuntos, pronto ja tava roncando.
Fui

Capitão-Mor disse...

Isto é uma tentativa de desmoralização das futuras mães? :) Você tem de explicar para Romeo que você tem uma nova blogsérie para produzir daqui a uns tempos! :)
Abraço

Anônimo disse...

Percebe-se o cansaço...Várias palavrinhas do texto estão trocadas...rs
Mas...tranquilidade!!!Vai passar logo e ai la na frente vai sentir saudade dessa época.

Sds

Anônimo disse...

Apenas dei uma passadinha para dar parabens !!!

Que filhão lindo !!!!

A partir de julho ele ganhara um amiguinho... Arthur

Beijao

St